Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um dia ganho juízo!

História financeira de uma rapariga emigrante que um dia precisou de ganhar juízo para realizar o seu sonho.

História financeira de uma rapariga emigrante que um dia precisou de ganhar juízo para realizar o seu sonho.

Um dia ganho juízo!

02
Abr17

A desafiar-me.

Sofia ganha juízo

No mês de Março consegui resistir a comprar roupa, não comprei uma única peça. No entanto, com a entrada no mês de Abril e os dias cada vez mais quentes (embora por aqui a temperatura não esteja muito alta!), ontem dia 1, encomendei pela internet as famosas sapatilhas brancas que queria há algum tempo.

Em vez de encomendar umas de 99€, que certamente iriam deixar a Sofia antiga muito contente e com muito peso na consciência, decidi encomendar umas de 25€. Afinal, estou em dieta financeira, e há que respeitar isso. Estou a ganhar juízo, é o que é!

 

.................................................................................................

 

Decidi também desafiar-me e tentar viver este mês com o mínimo de dinheiro possível, fiz o que já devia ter feito nos outros meses: meti uma quantia considerável de dinheiro na conta poupança assim que recebi o salário. O meu objetivo é tentar viver o resto do mês apenas com 50% daquilo que tenho habitualmente disponível. 

 

Como vou fazer isto?

 

- Desafio esvaziar a despensa: durante todo o mês de Abril só vou às compras para os frescos e os iogurtes de pequeno almoço. E se conseguir fazer uns jejuns de vez em quando, também serão bem-vindos.

- Não vou comprar um único livro. Este vai ser fácil de cumprir porque não vou ter tempo nenhum para ler neste mês.

- Não vou comprar roupa: para além das sapatilhas que já estão encomendadas claro.

- Usar os produtos da casa e de higiene pessoal que tenho até ao fim: sim, tinha aqui produtos escondidos que já não usava há algum tempo e entretanto comprei novos porque não sabia onde os tinha guardado (não ser suficientemente organizada dá nisto, muitas compras a duplicar!)

- Destralhar: ajuda no processo de organização dos bens materiais e a encontrar objetos que já nem sabíamos que tínhamos... por exemplo, em vez de ir a correr comprar uma capa para guardar os documentos que chegaram pelo correio, será que não tenho nenhuma na minha estante que esteja cheia de papéis que já não preciso e que podem ir diretamente para a reciclagem?

 

 

E pronto, estas foram as minhas dicas do mês. E vocês, já tentaram viver com menos dinheiro do que aquele que usam normalmente para viver durante o mês?

 

10 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

"Forget sale price. Everything is 100% off when you don't buy it." JFM

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D